Com a Palavra: Hipólita

| |
Imaginem uma Heroína que bate antes e pergunta depois... Alguém que faz parte do grupo de um Super-herói que não tolera armas e mesmo assim ela as usa... Uma mulher que não tem medo, não tem travas, não tem limites...

Uma “morena fatal”, de personalidade forte, capaz de fazer o que tem que ser feito, e se bobear, até passar do limite!

Meninas, eu apresento a vocês Helena Janice Bertineli (Terra 1), a Caçadora.

Helena é filha de um poderoso mafioso, e após assistir a morte dele e de sua mãe, jurou vingança.

Ela viajou para muitos lugares do mundo, passando de parte em parte da sua família, aprendeu artes marciais, técnicas com lutas, e todas as formas de agredir uma pessoa de maneira não-verbal que possa existir.

Anos depois, ela retorna a Gothan, e após ver uma ação do Homem-Morcego, ela decide se tornar uma justiceira como ele.

Caçadora consegue entrar para a “Bat-família”, porém devido aos seu padrões agressivos, Batman a considera incontrolável e violenta.

Ela é expulsa da “família”, mas Batman a coloca na Liga da Justiça, para tê-la sobre seu controle.

Alguns tempos depois, ela é expulsa ( De novo!), pois quase passa do Limite (Os Heróis como Super Man, Batman, dentre outros, consideram matar um vilão, mesmo que este seja o pior de todos, um crime gravíssimo... no caso, Helena quase matou um certo vilão).


Essa é nossa heroína, ou seria nossa vilã???

Bom, não importa ela é tudo de bom!

A personagem chegou a uma margem de fama que até ganhou um seriado próprio, chamado Birds Of Prey, traduzido toscamente para Mulher gato.

Essa série foi baseada numa realidade que se passava na Terra 2, onde a Caçadora seria filha do Batman com a Mulher-Gato, nesse caso, ela se chamaria Helena Kyle Wayne, e trabalharia como ajudante do pai, sendo totalmente contrária a personalidade da moça da realidade da Terra 1.

No caso... nessa série de TV, a Caçadora era um misto das duas personalidades, já que Helena tinha um “Q” revoltado e fora dos padrões, porém era filha do Batman e da Mulher-Gato. (Por sinal, uma história até melhor que a das duas Terras... Bom meninas... se deliciem com as belas curvas dessa morena de sangue quente pela noite, e durante o dia uma simples e pacata professora de Inglês... (Interessante, não?)



2 comentários:

Bel disse...

Se ninguém apareceu para fazer as honras da casa eu não poderia deixar essa querida blogueira só!! Mesmo que seja eu né Hipólita?? Fazer o quê?? Vai ter de se contentar ok?? Rsrsrs


Caçadora é ótima!! Adoro mulheres como esta fatais, de personalidade mas principalmente fiéis a si mesma!! Parecida com você amazona!! Rsrsrs

Adoro seus textos e esse seu jeito de me trazer uma quarta feira leve!
Bjs e Fique bem!!

Papillon disse...

Oi, Hipólita!

Farei meu coro junto a Belzinha por essa blogueira tão divertida!!!Gosto de ler seus posts também e tem uns como o da Lulizanha que rir tanto sozinha..adoro suas viagens dos quadrinhos para lesbolandia!! Que Gayda esse seu kkkkk

Vc sempre com personagens que não fazem parte do meu mundo mas que são interresantes de conhcer...

Valeu Hipólita!!!

Acho que estamos quase virando personagens de quadrinho Belzinha kkkkk Mas,vc tem que criar um nome poque Papillon e Bel não faz sentindo kkkk Acho que combina mais para quadrinho assim: Le Papillon et Coccinellekkkkkkkkk Falei para os quadrinhos , dona Bel pq sou uma moça virtualmente comprometida com minha "Amazonas" ( que não é Hipólita e sim para fazer um trocadilho para quem nasce nas terras de Manaus kkkk).

Bjs a todas.

Pingar o BlogBlogs

pro seu blog

Copyright © 2008 The L Word - Blog Brasil. All Rights Reserved