Com a Palavra: Hipólita

| |
Como os tempos mudam, ou seriam nossos “gaydares” que estão cada vez mais aguçados. Eu passo na rua, e vejo criança com 6 ou 7 anos, logo penso:

”Hummm olha ali o futuro da classe garantido!”

Ahhh eu sei... eu não devo ser normal, mas quem é?! Eu não tenho culpa de ter meu radar aguçado, e mais, uma imaginação muito fértil! rs

E aproveitando essa deixa, hoje eu falarei de uma garotinha, esperta, que já teve suas “tirinha” em jornais, revistas, até chegar a ter seu quadrinho próprio, seguindo para os desenhos televisivos!

Essa menina chama-se Lulu, ou para os íntimos Luluzinha...

Não me chamem de “mente-suja!”, por favor... Eu apenas estou aqui pra dissertar sobre algum personagem... e usando minhas fontes, perguntando para amigos, cheguei a conclusão de que a Luluzinha em seu futuro, será lésbica!( Ohhhhh que informação bombástica!Ninguém sabia disso!?)

De qualquer forma decidi falar sobre ela, que eu considero um ícone feminino...

Porque imaginem... Uma menina “sabidinha”, que em 1935, desafiava os meninos, enfrentava sem medo nenhum,e melhor... Os deixava no chinelo!

Um exemplo “mirim” do feminismo!( Eu era assim! Rsrsrs)

Me digam... tem um fundamento, não?!

Não que todas a feministas sejam lésbicas, mas todas as lésbicas são feministas!( hehehe!)

Querem mais argumentos?!

Eu darei!

Ela joga futebol! (Tá... também não quero generalizar,é só um exemplo...Não significa tanto assim, mas é um argumento! Não sejam duras comigo, heim?! Rs)

Continuando... Ela não tem pretensão nenhuma em nenhum garoto, muito pelo contrário, ela luta o tempo todo pra ter os mesmos direitos dos garotos!

Mais uma coisa...Ela tem um estereótipo que fala por si só! (Mesmo odiando estereótipos, não posso negar que eles ajudam na composição de certos personagens e certas situações!)

E antes que alguém use o argumento sobre ela e o amiguinho Bolinha, eu logo vou dizendo que não quer dizer nada.

Esse suposto “amor” entre os dois sempre ficou sub-entendido, e normalmente ele partia dele pra ela! Poucas vezes ela manifestou algum interesse por ele... e nesses casos, sempre houve o sentido de amizade!(Ahhaaaaaa!! Tô boa de argumento hoje!)

Eu sugiro que antes de ver o desenho animado, vocês procurem as “tirinhas” e o quadrinhos, até porque televisão demais faz mal pro cérebro!

Tem situações ótimas, sendo que na série animada ela tem mais atitude!

Tá ai um desenho que parece que nunca vai sair de moda, assumo que não é um dos meus favoritos, eu adoro violência! Mas esses clássicos são sempre uma boa pedida!

4 comentários:

Maga disse...

realmente voce tem um gaydar muito aguçado, eu nunca iria imaginar :P
boa o/

Papillon disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Eu adorei!!! Luluzinha gay é ótima...Quem deseja comer a Luluzinha?Será que quem gosta muito de Luliznha na infância também tem algum significado para o gaydar de Hipólitakkkkkkkkkkk
kkkkkk

Bjs, meninas!!

oograzioo disse...

adoro luluzinha!!!!!




Obs: grande comentário o meu hein...hehehe

Paula disse...

Tb adoro Luluzinha! Garota cheia de atitude! Achei ótimo o post, pude sentir o estado de graça em que se encontra Hipólita essa semana e tb seu bom humor. Gaydar eh ótimo! Adorei!!

Pingar o BlogBlogs

pro seu blog

Copyright © 2008 The L Word - Blog Brasil. All Rights Reserved