Com a palavra: Hipólita

| |
Antes de apresentar essa personagem da vez, quero deixar o meu parecer sobre ela: MARAVILHOSAAAAAAAA! Ela é o meu sonho de consumo, tuuuuuudo de bom!

Pronto... Agora, após recuperar meu controle, voltei a ser uma pessoa “quase” normal... Vamos ao assunto! A Capitã do exército de Horda (Levei 1 horas tentando ler esse nome direito), a jovem Adora, decide lutar pela liberdade de Etéria, após descobrir que é a filha roubada do Rei Randor e da Rainha Marlena, e que dividiria o trono de Etérnia com seu irmão gêmeo Adam.
Explicação: A Jovem princesa foi separada de seu irmão, porque os dois nasceram com um propósito mágico e revolucionário... Salvar o Planeta Etéria, e o reino de Etérnia! (Os nomes são parecidos, mas são lugares diferentes.).
Adam desde jovem encontrou uma espada e descobriu que por trás de face de um rapaz, havia um grande herói: He-Man. Sua irmã por outro lado, só foi descobrir toda sua história muito tarde, mas não perdeu tempo e logo foi tratando de pegar a lendária espada protetora e dando seu grito: "Pela honra de GraySkull! Eu sou She-raaaaaaa!”. Sim ela é She-ra, uma heroína que no auge dos anos 80, junto com seu irmão He-Man, fez a cabeça de crianças e adultos.

Mas como tudo tem seus dois lados. Por trás da fronte simples de heroína, sempre há algo mais, algo que fica embutido, e cabe a nós adultos formados, e com uma mente já não tão pura, trazer a verdade que está despercebida.

Especulações dizem que dela teria nascido outra grande personagem, a Xena. As duas têm uma história parecida, já que estiveram do “lado negro da força”, e por alguns motivos variados, decidiram fazer o bem e velar pela justiça!

She-ra é posta em algumas cenas beijando um rapaz de bigode e cabelo avermelhado, não me perguntem quem é esse homem, eu procurei, vasculhei, mas não tenho noção de quem ele é, e também não vai fazer muita diferença em relação a quem ela é!

Em sua vida She-ra sempre se mostra sozinha, uma loba “solitária”,como muitas lésbicas que encontramos pela vida, She-ra se foca apenas em sua batalha pelo bem e pela justiça, durante seu caminho ela é acompanhada muitas vezes por amigos e pelo irmão.

Ela é o que eu chamaria de discreta, pouco se manifestou em relação a sua sexualidade, ao contrário de sua maninha, perdão, seu irmão He-man, que deixa transparecer perfeitamente, afinal seria difícil mesmo esconder!

She-ra, uma heroína determinada, que passa por coisas terríveis, sendo seqüestrada quando criança, sendo criada pra ser uma cruel vilã, mas que desde sempre sente que há algo muito maior pra ser feito, mesmo não entendendo isso...

Sem dúvida um desenho que deveria retornar a telinhas, valeria muito a pena! Os desenhos de hoje são cercados de luta, violência, disputas, cheia de personagens vazios e distorcidos, seria bom termos mais heróis honrados, passando boas lições. Heróis como os de antigamente...

5 comentários:

»» Nøélya «« disse...

Muito legal seu post... Concordo com você quando disse que é um desenho que deveria retornar para a telinha... Eu adoraaaaava asssitir quando era criança...
Ah! Fiz um presentinho para minha amiga e também estou indicando você a receber, pois adoro seu espaço...

Bjinhusss...

Bel disse...

Verdade seja dita cresci assistindo He-Man e adorava. She-ra veio só depois em minha vida e acredito que já não tinha o mesmo sabor...admito ela pode ser o sonho de consumo de qualquer uma!!! Não sejam maldosas digo isso em todos os sentidos inclusive nos valores éticos envolvidos!!

Charlotte disse...

He..he...Olha só quem está dando o ar da graça...Valeu Hipólita!!
Eu, simplesmente, adorava a She-ha e assino a lista para o seu retorno. Sempre gostei das heroínas...sei lá...gosto de mulheres fortes, destemidas, botando um bando de marmanjos pra correr...kkk... He-man, só assistia quando ele ia visitar a irmã...que meigo...
Ps: Se o moço de bigode, o qual vc se refere, for o mesmo que está ao lado da nossa heroina na última imagem? Ele é o Arqueiro, meio trapalhão, arrastava um bonde por ela.

Muita luz e muitos beijos pra vc, jovem Amazona

Hipólita disse...

Charlotte obrigada pela luz, eu sabia da existência desse personagem mas não consegui identificá-lo!!

Para a Bel eu respondo o seguinte:"Não sejam maldosas digo isso em todos os sentidos inclusive nos valores éticos envolvidos!!"
UHUMMMM... SEI

Noélya, obrigada por indicar o presente, mesmo eu não sabendo qual é! rsrsr

Beijos

Papillon disse...

Pelos poderes e pela honra de GraySkull!!
Eu adorava esses desenhos!!Tanto o irmão quanto a irmã, será que algo com a questão sexual ainda não definida ou talvez uma bissexualidade e kkkk....O importante é que nesse momento busco apenas as lindas e maravilhosas e femininas She-ras e nesse caso em todos os sentidos “inclusive nos valores éticos envolvidos!!”
A única coisa chata era procurar o geninho que nunca estava escondido corretamente só para ser achado!! Uma bobagem esse geninho kkkk
Esse pobre Arqueiro sempre apaixonado e não tinha muitas chances com a lindinha, sorte dela porque aquele bigodinho devia ser terrível para agüentar!!
Beijos queridas LezShe-ras.

P.S.Darei uma sumidinha de alguns dias porque tenho muito trabalho para fazer,mas um dia retorno.

Pingar o BlogBlogs

pro seu blog

Copyright © 2008 The L Word - Blog Brasil. All Rights Reserved