Café com Lesbiandades - Enfim... NÓS!

| |
Aloha, mocinhas da cibernética! Um expresso, por favor!!! No lugar do creme... o de sempre: Lesbiandades. O assunto da semana, nem “eu”, nem “você”... Enfim... NÓS! Neste grande laboratório que é a vida, fazemos vários experimentos na busca constante pelo “momento eureca”. No campo sentimental não é diferente. O “ficar”, a “paquera”, o “namoro”, todos no tubo de ensaio aguardando a hora exata da desejada “explosão”... é quando o “amor” acontece. Aí, não tem jeito, é “Big Bang” que transforma vidas... O “eu” e o “você” quer mais do que estar junto. Surge o “NÓS”, que quer dividir, partilhar, construir... f i c a r j u n t o.

Viver junto é uma delícia. Porém, tarefa nada fácil. O cuidar e o prestar atenção... tornam-se indispensáveis na vida do “NÓS”. Exercício dificultado pelas armadilhas da modernidade. Nós, mulheres modernas e independentes, por exemplo, queremos muito um amor! Mas não temos tempo pra ele. E, quando o temos, acabamos por eleger outras prioridades e esquecemos o indispensável (cuidados e atenção). No piloto da nossa Lesbosérie, há um diálogo entre Tina, Bette e o psicólogo Dan Foxworthy, que poderia ilustrar bem a partilha de vidas.

Dan Foxworthy: “No começo, o sexo é apaixonado. É ilícito, excitante. Tem aquela coisa... mas logo, uma simbiose se desenvolve. Acontece especialmente entre duas mulheres, no esforço de se comprometerem uma com a outra. E quando ocorre a união... a intensa dependência mútua pode ser o dissuasor da intimidade sexual.”

Tina: “Minha nossa! Lésbicas querem se unir!”

Isso mesmo Tina, lésbicas querem se unir. Mas é preciso muito mais que desejo para o sonho ser real. É importante estar atentas aos detalhes, pois são eles que fazem a relação... Doação, dedicação, paciência, respeito, comunicação, fé... prioridades. Receita?! Não! Essa ninguém tem! Talvez pistas, diretrizes e tentativas na busca incessante para o desejado “felizes para sempre”.

Tina e Bette, formam o casal favorito entre a maioria do público de The L Word. Talvez esta predileção se explique pelo fato de sua história traduzir o anseio que temos de em nossas vidas existir um “NÓS”. Tá certo que na ficção qualquer semelhança é mera coincidência... rsrs (será?) mas, o conto das duas, em cinco temporadas, contam histórias possíveis. Encontro... amor... cumplicidade... desgaste... rotina... desencontro... traição... chance... separação... aprendizado... volta... juntas!!!

Conversei com algumas pessoas casadas sobre esse desafio que é o exercício constante de viver junto. Todas foram unânimes em dizer... “Não há receita!” Muitas concordaram com o “É preciso ouvir mais!” Algumas apresentaram o seu “jeitinho”. Anotei o que pra mim foi a melhor resposta... e que resposta!

“Gostaria de ter uma receita, mas, ela parece não existir. Se encontrá-la, por favor, divida (risos). Conviver é muito difícil, cada uma têm sua particularidade. O que penso é que quando estamos longe, é muito pior. Quando me irrito com ela, lembro dos momentos felizes que temos juntas, que não são poucos, aí a raiva passa. Usar a balança nas crises é muito positivo. Ouvir e prestar atenção na outra pessoa, também é fundamental. Diálogo! Esse não pode faltar. Não ter medo de se colocar pra outra pessoa, permite que ela te conheça e só reforça os sentimentos entre vocês. Agora, a rotina é o mais complicado. Essa desgasta mesmo uma relação. Uma vez, li em algum lugar “Faça amor com a rotina e não tente fugir dela”. Interessante. Eu e minha parceira tentamos seguir tal sugestão. A responsabilidade de aprender a lidar com a rotina deve ser das duas partes. É isso... assim vamos vivendo, todo dia um pouquinho. Nos esforçamos muito para fazer a outra feliz. Erramos muito! Mas os acertos são maiores. Enquanto, na nossa balança, as alegrias que nos proporcionamos pesarem mais que as tristezas... teremos sempre razões para continuarmos sempre juntas... Esse é o nosso jeitinho... (risos)”.

Ei, psiu... todas vocês!!! Inclusive quem fica aí, só a observar...rsrs. Vem pra cá, ficar junto... Esse é um tema muito gostoso de conversar. Fiquem a vontade... Comentem... Dividam o seu jeitinho. Mas, não se esqueçam... Para viver junto, é preciso antes ter alguém. Então, depois de partilhar conosco sua opinião! Vamos sair, ok?! Vamos dançar, nos divertir conhecer gente... e fazer experimentos...kkk... Muitos deles. Só assim acontece a tal explosão... cabrummmmm... rsrsr

Muitos beijos e experiências pra todas vocês!!!

14 comentários:

Papillon disse...

Oi, meninas!!

Então o tema da semana é viver junto...é ser “ Nós”..Realmente coisa muito complicada nesse mundo tão individualista e principalmente entre seres humanos que são em sua formação extremamente egoístas , não é mesmo? Um nós são dois ‘EUs”e esses com todas as suas diferenças e idealizações de uma vida antes egoísta : Eu quero, Eu posso, Eu desejo, Eu faço...e depois como pensar isso com Nós...Na verdade não é assim que deve ser...continuamos com o EU sendo que agora fica Eu e Você ou seja outro Eu e assim pode ser mais fácil compreender, partilhar, conviver e principalmente entender que isso pode ser Nós, mas também é EU...o Eu nunca é perdido porque é a identidade é a sua essência.... o que podemos fazer é acrescentar um Você a esse EU porque se pensar que viver junto é deixar o Eu não vai funcionar..não podemos mudar o nosso Eu em função do outro ou o outro em função do nosso, mas podemos compartilhar, acrescentar, trocar e principalmente aprender. Podemos ser felizes juntos com os nossos Eus....Eu desejo demais um outro Eu comigo....

O Amor, esse nos permitir idealizar muitas coisas...muitas..mas devemos diante desse maravilhoso sentimento(é muito bom amar!!) buscar o nosso Eu amo, Eu admiro, Eu quero mas além disso tudo EU respeito....respeito a o outro Eu que desejo ao meu lado...respeito a sua escolha....respeito o seu trabalho...respeito a sua busca..respeito a sua diferença.....para viver o Eu e Você a única receita que se deve ter é RESPEITO e também cumplicidade....

Lindinhas, uma ótima semana para vocês e muita energia a todas!



Viva a Ana Carolina:

Poema de Benjamin Constant
Ana Carolina
Composição: Benjamin Constant
"(...) Todo sentimento precisa de um passado pra existir
O amor não, ele cria como por encanto um passado que nos cerca
Ele nos dá a consciência de havermos vivido anos a fio
Com alguém que a pouco era quase um estranho
Ele supre a falta de lembranças por uma espécie de mágica..."

Anônimo disse...

Excelente!!!! Vc sempre se colocando de forma clara e trazendo assuntos atualizadíssimos. Parabéns.

Gostaria de dizer que cada dia construímos a nosso ideal de felicidade e, com paciência, carinho, dedicação e muito amor, sempre se chega lá... e olha que falo isso com experiência de 12 anos de casada.
Bjs e sucesso para todas nós.

lao_mar disse...

Acho que essa parte da letra da música do Luiz Tatit (a companheira), que ta no cd da Zelia e da Simone (amigo é casa) ilustra essa situação:
"de repente a vida ganhou sentido
companheira assim nunca tinha tido
o que fica sempre é uma coisa estranha
é companheira que não acompanha

isso pra mim é felicidade
achar alguém assim na cidade
como uma letra pra melodia
fica do lado, faz companhia"
Acho que todo ser humano procura mesmo é o companheirimo a cumplicidade. Alguém que preste atenção, que dê atenção. E se isso for recíproco "isso pra mim é felicidade", rs.
Charlotte texto ótimo como sempre!! Bjos

Dhara disse...

Ei, que legal! Gente nova no pedaço.Muito bom!
Bom, eu ainda estou na fase dos experimentos, e olha, tenho feito muitos kkkk. Mas com certeza quero essa explosão que a Charlotte fala. Quem não quer?
Conviver é mesmo difícil. Se com os pais não é fácil, quanto mais com uma pessoa até então, estranha. Só que o amor corrige isso, é ele que deve ser a prioridade. Respeitar as particularidades de cada pessoa também deve ajudar. A receita ninguém tem mesmo.
Um beijo Charlotte. Amei as imagens. Lindaaas, Bette e Tina de noivas, uau! Que venha a 6ª temporada. Seu texto, a gostosura de sempre. Adorei.
Beijos meninas

oograzioo disse...

uma semana sem net..me deixou maluca...mas td bem estou de volta...
viver junto...
compartilhar...tolerar...dividir...
ensinar...brigar...conhecer...
suportar...e o melhor de tudo..Amar...
Fico me perguntando se um dia viverei junto com alguem...sozinhas...só nós 2.... fico pensando nos meus defeitos q poderia atrapalhar qualquer convivio em dupla..e tbm penso nos possiveis defeitos da outra pessoa q eu não poderia suportar...
mas acho q esse é o jogo....é arriscar, é saber lidar com todas essa barreiras e acima de tudo respeitar o outro....ter essa troca com respeito e se existe amor...nada mais importa...
bem...sei lá...
ehe
bjs

Samar disse...

Oi Charlotte. É, realmente um assunto muito bom. Adorei você usar o casal Tibette pra ilustrar seu texto.
Ah, quando achar a receita pra viver bem junto, também quero.
Um beijo

Amar*Ela disse...

Vou esperar mais um tempo pra pensar em casamento ainda sou muito nova, só 46 aninhos .
Enquanto isto vou vivendo de amor

lilian disse...

parabens, a cada dia vc me surpreende fico feliz com tudo que se relaciona a tlw, esta serie faz um bem ao mundo, pena que vai acabar, mostro para o meu amor que td é muito parecido com nossas vidas, estamos juntas quase 16 anos e parece que foi ontem.perfeita a ideia e linda a forma como a JB a veste, como fico envaidecida e saber que o brasil nao ficou de fora. amo vocês.

Bel disse...

Nooossa eu sei que café é estimulante não imaginava que fosse tanto assim!!! Rss Parabéns o café tá um sucesso!!!

Não faz muito tempo eu já havia reconhecido minha incapacidade plena em versar sobre o amor imagina em "nós"... nós quem??? Rss

Não sei, não sei... desculpe Charlotte eu ainda não consigo Rss Acho que enquanto eu não encontro a mulher certa vou me divertindo com as erradas!!! Nesse caminho o que existe é um sentimento de completude seja lá o que isso quer dizer até porque não é para dizer é para sentir!! Assunto muito complexo para uma mente tão limitada como a minha!!!

Beijos

vivi disse...

Aloha!!!... Lez Girls... Nossa como isso aqui tá movimentado rsrs... Tia!!! que post é esse ... "olha que coisa mais linda... mais cheia de graça é esse casal... ""... Eita assunto bão esse não rsrs... Adorei .... que lindinho... esse “jeitinho”... buscar... de fazer dar certo a relação não?!!...
Na simplicidade rsrs... das palavras... mas na amplitude do significado: ""... É isso... assim vamos vivendo, todo dia um pouquinho. Nos esforçamos muito para fazer a outra feliz. Erramos muito! Mas os acertos são maiores. Enquanto, na nossa balança, as alegrias que nos proporcionamos pesarem mais que as tristezas... teremos sempre razões para continuarmos sempre juntas... Esse é o nosso jeitinho... (risos)”.
... Vcs já falaram tudo... kkk...
Tia post quase que perfeito kkk... só senti falta de uma coisinha... de uma certa luz.... rsrs...
Lindas!!! Lez... beijus a todas....

Charlotte disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Charlotte disse...

Oi linda Papi...isso mesmo...RESPEITO E CUMPLICIDADE...Obrigada por nos brindar com Ana Carolina..um charme...Beijo pra vc! Se cuida moça!

Olá "anônima"...Obrigada por nos presentear com sua experiência, belo comentário...12anos de casada...Uau! Seja muito bem vinda aqui... FELICIDADES SEMPRE!!!


Lao_Mar... que grata surpresa...faça sempre assim! Companherismo e cumplicidade...a felicidade é tudo o que te desejo...Um beijo!!!

Oiê, mocinha dos experimentos...kkk Tá certo..pra tudo a hora chega! E conviver é realmente difícil...mas com paciência a gente vence. Obrigada Dhara, vc é um charme! Beijão...


Oograzioo...que bom que sua net voltou...kkkk...Viver e ser feliz.. no hoje...é o que importa..quando a hora do ficar junto, chegar...vc vai saber, minha querida...e tudo será mágico...Beijinho...


Oi Samar, bem vinda moça... pode deixar...se descobrir a receita te passo, ok?...Beijo


Amar Ela... verdade...a vida começa aos 40... ame muito.. felicidades...rsrs...

Oi Lilian...bem vinda...uau..16 anos juntas, Parabéns...Felicidades... É Verdade... TLW fala sempre um pouquinho de nós.. Jennifer Beals é ma delícia...vestindo a camisa deu um prêmio pra quem teve a iniciativa. Apareça quando quiser...a casa é sua...Obrigada e beijo.

Bel...tá tudo certo...com "EU"...ou "NÓS"...com as certas ou erradas...o negócio é VIVER...e ser muito FELIZ...Beijão pra vc...

He..He.. Vivi! Demorou mocinha! Estava esperando vc! saudades menina... Viu...o Café está bem frequentado! Essa é a idéia..troca..troca...e experiências! É muito bom ter seu charme por perto. Beijo...muita LUZ!!!

Ok Lez... já é 5ª... Mas.. sempre a tempo de dizer que vcs são especiais e fazem a diferença no nosso espaço. Continuem sempre por aqui...
Beijos à todas...

ੴTatyLoiraੴ disse...

Bom vou dzer uma frase que disse pra ela depois que casamos:O Amor é igual a uma balança,pra estar sempre presente em nossos corações é preciso ser dosado igualmente (^.-)
*Cumplicidade
*Respeito
*Sinceridade
Palavras que carregamos conosco dia-a-dia...
Felicidades meninas(^0^)m BjuX(^3

vivi disse...

He! He! He!... me esperando querida bom saber kkk... Tô vendo e como está meu bem...cada dia melhor não rsrs... Parabéns!!!
Charmosa és tu Charlotte querida... mas agradeço hihihi...
Beijus!!!
Obrigada!!!! Realmente AMO essa LUZ!!!

Pingar o BlogBlogs

pro seu blog

Copyright © 2008 The L Word - Blog Brasil. All Rights Reserved