Com a Palavra: Hipólita

| |

Esse não ia ser o assunto que eu iria tratar, ia falar do homossexualidade na mitologia, e na histórias de várias mulher, mas ouvi e presenciei alguns assuntos, que me levantaram um tema mais importante do que falar sobre mitologia.

Eu quero falar sobre solidão, um mal que atinge com freqüência gays e lésbicas, não falo da solidão de estar solteiro, essa solidão não é tão difícil quanto a de muitos que ficam sem família, ou amigos, ficam até sem eles mesmos.

Quantas vezes já se viram sozinhas? Olhando pra todos os lados, querendo apenas alguém pra estar, independente de quem for; o importante seria a companhia. Acho que algumas pessoas nunca sentiram isso, será?

Onde eu quero chegar é - vamos tirar os bem intencionados - Nesse mundo em que estamos tem muita gente que não presta, pessoas de uma noite só, pessoas que vão nos preencher e nos esvaziam ao mesmo tempo. A qualquer momento podemos ser vítimas delas, a qualquer momento podemos ser elas também.

Muita gente, burra creio eu, ainda usa o fato da sua orientação sexual pra fazer da vida uma grande orgia, sem se importar com o próximo. Isso existe mais do que qualquer uma de nós possa imaginar.

Famílias ainda deixam seus filhos desamparados por não serem como “a sociedade quer”, agindo de maneira fria e cruel. Isso não é ficção, é realidade, acontece muito. Dentro das casas das pessoas acontecem coisas que nós nem imaginamos.

"Amigos" preconceituosos escorraçam muitos dos seus ditos amigos e amigas. É nefasto, nojento pensar em alguém que faça uma coisa dessas, mas existe esse tipo de gente e nós temos, infelizmente, que lidar com isso. Quem dera tudo isso fosse só exemplos!

Imagine... Além de perder seus amigos, eles batem em você por você ser “sujo”. O preconceito a que somos vítimas nos deixa com medo até de fazermos amigos. As pessoas não se importam com o próximo e sim com elas mesmas... É triste, mas acontece muito, e por mais mudanças e melhoras que existam, vemos muitas pessoas morrendo sozinhas, é tão triste pensar nisso!

Medo, complexo de aceitação, desilusão, nossa... Eu teria uma lista de motivos que levam alguém a mais um passo para a solidão; que é a causada por nós mesmas. As vezes nos isolamos tanto que nada nem ninguém consegue nos atingir. Muitas vezes nos deixamos ser usadas como objetos pra suprir algo que faz falta; isso é tão triste. Se sujeitar, as vezes, a algo que não gostamos; nos vendemos muitas vezes, nos sujeitamos. Essa pra mim seria a pior das solidões...

A solidão é o mal desse século, a Internet, ao mesmo tempo em que nos conecta ao mundo todo, nos faz ficar reclusos no nosso mundo, nos fechamos pra a família, nos fechamos pra amigos e pra nós mesmas! E é uma pena, o mundo é muito maior que uma tela de computador! Esses são alguns dos vários tipos de solidão e nós, minhas caras, não estamos a salvo dessa senhora tão azeda e vazia.

Lutem para que esse grande mal não as atinja, procurem a felicidade nas coisas menores da vida, não se sintam sozinhas, lembrem-se de que toda vez que vocês se sentirem assim alguém também vai estar se sentido do mesmo jeito, não importa o quanto longe estiver.

Por mais solitário que o mundo seja, por mais solitário que o mundo arco-íris seja, nossa consciência é coletiva, todos sofremos, todos rimos, e nunca estamos totalmente sozinhos. A vida coloca pessoas maravilhosas no nosso caminho, é só darmos uma chance.

Espero ter conseguido passar minha mensagem... Fiquem bem, e aproveitem a vida, na próxima encarnação a gente vive tudo de novo mas nunca se lembra! (Eta frase besta!)

14 comentários:

vivi disse...

Hipólita... esse seu post... realmente... quem nunca sofreu de solidão... e de se sentir só... em algum momento da vida esse sentimento sempre aparece... Mas você conseguiu sim passar a sua mensagem... já me sinto menos só ao saber da nossa consciência coletiva... e eu também acredito que a vida coloca pessoas maravilhosas no nosso caminho...
Beijos... até a próxima...

San Okeoman disse...

Sabe o que eu queria agora, meu bem...?
Sair chegar lá fora e encontrar alguém
Que não me dissesse nada
Não me perguntasse nada também
Que me oferecesse um colo ou um ombro
Onde eu desaguasse todo desengano
Mas a vida anda louca
As pessoas andam tristes
Meus amigos são amigos de ninguém.

Sabe o que eu mais quero agora, meu amor?
Morar no interior do meu interior
Pra entender porque se agridem
Se empurram pro abismo
Se debatem, se combatem sem saber

Meu amor...
Deixa eu chorar até cansar
Me leve pra qualquer lugar
Aonde Deus possa me ouvir
Minha dor...
Eu não consigo compreender
Eu quero algo pra beber
Me deixe aqui pode sair.

Adeus...

Me lembrou muito desta canção do Vander Lee

Nara Rúbia disse...

Ei garota...vc sabe mesmo como "colocar o dedo nas feridas..."
Que bom que também sabe como curá-las...
Realmente gosto muito de como vc escreve...me é muito familiar...

Obrigada...

Helena disse...

Oi,

Eu só acho que a solidão, hoje em dia, atinge muita gente, independente de sua orientação sexual. Às vezes me sinto só, mas estou cercada de pessoas, como pode? Vejo muitos amigos, gays ou não, que estão passando por situações parecidas. Diria que a solidão está tomando contornos de uma doença e a internet está contribuindo com isso, e muito. Quando criança conhecia todos os meus vizinhos, mas hoje eu conheço fulano_sp, cicrano_rj e beltrano_rs, e olha que moro em Recife.

Ótimo e triste texto.
[]'s

vivi disse...

Oi! Helena... você fez uma pergunta, que também já me fiz n... vezes... como pode?! nós sentir só, quando estamos cercadas por tanta gente...
Penso... que mesmo com tanta gente... cada qual com seus pensamentos, seus desejos, seus problemas... seus...seus... que não nos damos conta do próximo... do outro... Quantas vezes falamos... e sentimos que não somos ouvidas... corpo presente, mente ausente...
Como mudar isso?! Não sei... mas me peguei pensando no final do post da Hipólita... na consciência coletiva...
Se cada qual estiver consciente do seu próximo assim como consigo mesmo na busca de não estar só... onde o objetivo único é não se sentir a tão triste solidão???!!!
Posso dizer que agora teclando esse coments para ti... não me sinto só. Mas... penso na solidão... e a resposta... a sua pergunta... ainda não tenho... mas vou continuar buscando... e espero que você também. risos...
Tenha um dia iluminado!
Beijos...

oograzioo disse...

soh deixando um post
pra dizer q toh de niver hj...
hehhehe
bjs pra todas

PehNoir disse...

oograzioo feliz aniversário!!!

Muita energia positiva e um fim de semana que seja um prolongamento do seu dia especial... Obrigado por compartilhar conosco a sua data... Fiquei muiiiiiiiiito feliz.

helena disse...

Oi Vivi,

Não me isento de muitas vezes pensar só nas minhas coisas e esquecer um pouco dos outros: meu emprego, meu amor, meu divertimento.....
Talvez mudando a forma de pensar, o que não é fácil, mas tb não é impossível, consiga deixar de enxergar esta solidão, no meio de tantos.
Mas isso só depende de mim, certo?
[]'s e bom fds.

vivi disse...

Olá! Helena...
Hummm... penso que sim... que o se sentir só depende de você, como de mim também o "meu estar só"... Já quanto a solidão será que não depende de nós?! rs...
Rs... eu também não me isento de muitas, e muitas e muitas vezes pensar só nas minhas coisas, coloca-las em primeiro plano... faz parte não é mesmo?!...
Sabe... atualmente me encontro morando um outro país... onde ainda não domíno o idioma, desconheço, ou melhor conheço muito pouco da cultura e tradições daqui.
Então... logo quando cheguei... me sentia só e solitária. Mesmo com o passar do tempo continuava me sentindo assim... conheci pessoas, tanto dentro como fora do meu ambiente de trabalho.
Os amigos os familiares e claro... um amor... se tornam personagens principais...
Mas... você percebe que prá você eles o são... mas para eles não...
Os amigos nem sempre estão presentes, os familiares também, cada qual tem seus afazeres... sua família seus amores...
Ah! então ... figura quem o seu "LOVE"... para esse sim você é uma pessoa singular, especial...que ao menor estalar dos dedos ele(a), estará ao seu lado e daí ...rss... "adeus solidão..."Capaz de largar tudo ... para lhe socorrer...afinal você é a última pessoa em quem ele(a) pensa ao se deitar e a primeira ao se levantar... rsss....
Ai! pode falar vai... acredito em amores utópicos... rss... Bem... pelo menos é o que espero...rss...
E é isso... "DO" esperar... pelos amigos, pelos familiares, pelo amor... que com seus carinhos cuidados vão nós fazer sentir-se protegidos e amados e não mais solitários...
Bom né?! Eu também acho rss...
E isso se torna tão essencial quando se está tão longe... disse essencial e não tão menos importante quanto ao que você está passando ai no nosso Brasilzão...
... Mas ... Helena... quando isso não acontecia, ou não acontece...me sentia excluida, em segundo plano... daí... lá vem a danada...
Acho que sou meia maluquinha... brigo comigo mesma "n" vezes por dia... e um dia me peguei... falando para mim mesma... Vivi... qual é?! Assim como você eles também tem uma vida... seus objetivos... seus afazeres... porque se senti tão só... você ligou para seu amigo ele não pode vir ... mas ele está lá pensando e te desejando o melhor... Puxa! sua família... a mesma coisa ... seu amor também...
Porque se sentir solitária?!... Pense no carinho na lembrança... pense coisa boas... e sabe por incrível que possa parecer... a tal solidão foi se tornando menor... e menos triste...
Para cada pensamento ou questionamento negativo... eu dizia para mim mesma... " Ah! é assim Vivi... mas o que adianta ficar pensando no problema... " Pensa na solução... dai de novo mas... isso, mas aquilo... negativamente ... pude perceber que ia me sentindo triste e solitária... Por fim ... "UM CHEGA!"... Vivi...não. Para... Pense em algo positivo... não cobre presença, carinho... enfim...porque você também nem sempre está disponível... aceite, agradeça... e assim cá estou... (ps.: Helena essa sou eu viu...))
Tentando te passar um pensamento positivo... rss... se vou conseguir sei não hein!!! tá meio que enrolado né... Vixe! Para Vivi... ha!ha!ha!... pense positivo ha!ha!ha! ela vai entender... rss...
Helena não sei quanto a você mas... o meu amanhã tenho a certeza que já vai ser menos solitário... sabe porque?!...
Em algum momento do meu dia eu estarei pensando..." Ah! ... será que a Helena já leu o meu blá! blá! blá!... hummm.... o que será que ela vai achar hein?!..." rsss...
Já o estar só...esse sim... acredito que depende só de mim... Hoje sinto que nunca estou só, pois o cara lá de cima e acredito bastante nos meus anjinhos da guarda... estão sempre a olhar por mim.
Posso estar só fisicamente... não tendo uma pessoa comigo. Não tendo o meu amor utópico, para tocar, conversar, amar...ha!ha!ha! Eh....porisso que é utópico né vivi, parece que não sei... ha!ha!ha!..Mas... tenho a mim...e não posso depender sempre das coisas ou pessoas de fora para suprir minhas necessidades, minhas carências, o meu estar só... Tenho que estar, falar, pensar comigo mesma para aceitar, tentar ver as coisas de uma outra maneira... e claro de uma maneira que me faça bem... que me faça sentir mais próxima de um todo e de todos... tentar me fortalecer... Não me sentir só...(claro! tem dias e dias né... afinal sou normal..) mas na busca...senão como poderei ... ajudar ou estar com alguém e lhe passar algo que nem eu mesma possuo...
É my friend! como você disse... "difícil... mas não impossível..." Força você dai e euzinha daqui. rsss...
Af!!! chega de bla!bla!bla!... senão você daqui a pouco vai me mandar uma mensagem... "vivi quero ficar sozinha... você fala muito ha!ha!ha!...
Um beijo... e um dia prá lá de iluminado para você e para todas as meninas do blog. (risos)...
Ps.: Essa é a maneira ...que eu tento lidar com a solidão... se esta certo ou errado...não sei... beijus...

vivi disse...

Olá! oograzioo... Parabéns prá você... Puxa! o niver é seu e o presente é nosso?! rss... de poder compartilhar contigo esse dia tão especial... hummm... não sei quanto a você...rss... eu particularmente já não faço mais questão das velinhas... ha!ha!ha!... mas ... do bolo, do brigadeiro e ahhhhh.... dos beijinhos rss.. " bão também!"...
... "S.E.J.A. F.E.L.I.Z!"

Beijus...

vivi disse...

Ps:. Desculpe-me não revisei o texto...
... onde digo... menos importante rss... é justamente o contrário... não é porque estou longe do meu país, que os meus sentimentos são mais importantes... .Não!...independente do lugar onde nos encontramos a solidão é a mesma... É que por não ter amigos inicialmente e muitas vezes os familiares estão distantes... esse tipo de sentimento se torna maior...

e ... "DO" esperar... "DOS"... e pelos amigos, "DOS"... e pelos familiares, pelo amor...
Sorry!!!
Beijus... Bom Dia!

oograzioo disse...

obrigada meninas
hehehe

o blog esta cada vez melhor
adorei as publicações...esta divertidoe super bem colocado
as fotos são lindas
bjs

helena disse...

Oi vivi,

Colei seu texto no word, confesso que não estava entendendo muito bem e pasme: deu 1 folha inteirinha :)

Após lê-lo e tentar entender seu "blá!blá!blá!", como vc própria disse, caímos no bom e velho pensamento positivo - isso me persegue.

Concordo com muita coisa escrita, apenas sei que não gosto de estar só, mas digo que no meu caso, atualmente, isso é consequência de alguns fatores que espero que se resolvam, logo.

Não diria que sua forma de ver o amor é utópica, mas sim romântica, como 99,9% das mulheres, onde me incluo.

Obrigada pelas palavras.
Bjs, besos, kisses ou поцелуй (onde quer que esteja).

vivi disse...

Uau!!! uma página?! Hummm... mas no espaço dois né?! rsss... Diz que sim... diz!!! há!há!há! Desculpe-me pelo trabalho...rsss...
Puxa! Que bom que você entendeu. rsss...Tá, vendo porisso que eu não me dou bem na área de exatas... né! rss..
Mas... é isso, o bom e velho pensamento positivo... que ele esteja contigo sempre...
E ficou torcendo para que você logo resolva o que lhe ... fazsentir só...
Então seja bem vinda ao clube das 99%... rsss...Aí! você me deixou feliz... sou normal ... nada de amores utópicos.
Beijus no seu lindo coração e não me agradeça ... pois é um prazer ficar de blá! blá! com você...
Ps.: Mesmo com esse meu teclado me deixando maluca ... rs...
Arigatô!!! Kissus ipai para você .. um ótimo término de final de semana e um começo de semana maravilhoso...
Ah! Eu estou do outro lado do mundo mas precisamente na Terra do Sol Nascente...
Deixa eu parar senão...

Pingar o BlogBlogs

pro seu blog

Copyright © 2008 The L Word - Blog Brasil. All Rights Reserved